Sua vida parece insatisfatória ou sem propósito?

Muitas vezes esse antigo dilema ganha força em nossa vida, devido a várias circunstâncias que enfrentamos nesse cotidiano repetitivo e competitivo que exige que sejamos produtivos para nos sentirmos valorizados. Mesmo com todas as conquistas que somos capazes de obter, recorrentemente somos acometidos com uma sensação desconfortável de despropósito e insatisfação. É uma espécie de sintoma que vibra em nossa percepção e que se não tomamos conta dele, pode se alastrar e dominar nossas emoções por completo.

O capitalismo que vivemos exige que repetidamente comprovemos nossa criatividade e capacidade de superação. É um bombardeio tão frenético de exigências e expectativas que assolam nossa autoconfiança e estabilidade emocional, que talvez apenas um guerreiro mitológico fosse capaz de enfrentar e sair ileso do combate. As sequelas são imensuráveis e se alastram como ervas daninhas que vão tomando conta das nossas emoções sem que percebamos, até que de repente nos percebemos inseguros e cansados.

Todo esse martírio pode ser evitado se despertarmos nossa consciência para o que é primordial em nossa existência: estarmos vivos e nos sentirmos bem! Nisso se resume o propósito de toda vida no planeta e até no cosmo. Refletindo mais profundamente nesse propósito, percebemos que já existem desafios cotidianos suficientes, como o equilíbrio da saúde, o envelhecer e a disputa com o mais forte. São aspectos naturais que a lei da vida nos condiciona e que ignorantemente insistimos em negligenciar, quando nos impomos que a aquisição de um imóvel, a estabilidade financeira e até nosso estado civil são metas condicionantes para uma vida plena e satisfatória. Até parece que um imóvel é capaz de nos proteger da morte, que um casamento condiciona nossa reprodução ou que o dinheiro garante nossa saúde.

O pior é quando montamos na espiritualidade para sugerir essas conquistas frívolas do cotidiano, alucinadamente esquecendo que a existência do mundo espiritual ou energético, nos possibilita compreender que nossa vida não se resume ao fato de podermos produzir, conquistar ou evoluir, o ensinamento primordial é de que existimos e somos capazes de irmos além do mundo material. Essa perspectiva de conquista e ganância se dilui no vasto mar da sutilidade energética, onde somos parte uma grande massa magnética que compreende o cosmo e portanto, é independente ao nosso estado de consciência. Nesse mar o importante é nossa vibração e a direção que ela nos conduz no contexto total da exigência cósmica.

Essa insignificância existencial esmaga nosso ego com tremenda violência e nos deixa fadados a buscar coisas, circunstâncias e crenças que nos amparem nesse constante vazio desproposital, que esconde nossa função coletiva e aprisiona nossa percepção de poder. É um estado de embriaguez lúcida, em que a realidade fica limitada ao que nossos sentidos básicos permitem ser acessado e nossa consciência permite catalogar. No entanto, há mais… muito mais! Porém, é mais do que podemos compreender, interferir ou controlar. É algo que apenas precisamos permitir e confiar, pois como uma inteligência superior, nos conduz ao triunfo maior, o triunfo de ser parte de um todo imensurável onde tudo faz sentido e tem um propósito.

Rodrigo Ozório
Coach Espiritual
+55 84 99621 5601

2 comentários em “Sua vida parece insatisfatória ou sem propósito?

    1. Gratidão pelo elogio e por compartilhar sua importante opinião Otávio. Nossa proposta é exatamente provocar no cotidiano das pessoas esse “pouquinho de tempo” para refletirem sobre suas vidas, se estão realizadas com o que fazem, se estão exercendo sua verdadeira essência neste mundo materialista em que vivemos! Abraço Iluminado.

      Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s